Em 05/02/2019

 

Itaporanga e Piancó foram as que mais movimentaram dinheiro em 2018. Coremas e Conceição na sequência

 



           Por Redação da Folha – Dados do Tribunal de Contas do Estado apontam que as Prefeituras de Piancó e Itaporanga foram as que tiveram o maior movimento financeiro em 2018, mas também foram as que viraram o ano com o maior endividamento. Conceição e Coremas vêm em seguida em termos de recursos financeiros.

            A Prefeitura de Piancó foi a que mais movimentou recursos financeiros no ano passado. O município piancoense empenhou 51,8 milhões de reais em despesas e pagou 44,5 milhões, acumulando um déficit de um ano para outro na ordem de 7,3 milhões de reais, a maior dívida regional.

            Em Itaporanga, que teve o segundo maior movimento, o poder público municipal contratou despesas de 43,3 milhões de reais em 2018 e quitou 37,4 milhões ao longo do ano, ou seja, não conseguiu pagar todos os empenhos, gerando um déficit para 2019 de 6 milhões de reais.

            A Prefeitura de Conceição foi a que teve o terceiro maior movimento financeiro no ano passado: o município conceiçãoense contraiu dívidas na ordem de 42 milhões de reais e pagou 40 milhões, o que gerou um déficit de 2 milhões de reais.

            O menor movimento financeiro, entre as quatro maiores Prefeituras regionais, foi de Coremas, que empenhou despesa no valor de 35,4 milhões de reais e pagou quase tudo, 34,5 milhões. Seu déficit também foi o menor: menos de 1 milhão de reais de um ano para o outro.

 

              Texto jornalístico exclusivo da Folha. Proibida a reprodução total ou parcial. Se você vê este texto em outro site ou blog denuncie (jfolhadovale@gmail.com). É preciso respeitar o direito autoral.

 

 

 

 

 


 

 

 

 
Informes & Opinião

Folha do Vale - www.folhadovali.com.br
Av. Padre Lourenço, nº 392 - Itaporanga - Paraíba
©2010 - Todos os direitos reservados