Em 23/06/2021

 

Investigações e mandados foram ponto de partida para prisões por diferentes crimes em Itaporanga

 



          Por Redação da Folha – Investigações comandadas pelo delegado Glêberson Fernandes levaram à identificação de dois envolvidos em uma tentativa de homicídio contra dois irmãos, Jailson e Felipe Miguel, baleados na noite de 5 de junho, no bairro Bela Vista, em Itaporanga. Com base na apuração, o delegado pediu e a Justiça decretou a prisão temporária de Mateus de Sousa Nascimento Madeiro e de Jacson Kennedi Ferreira da Silva, que também é investigado pela morte do mecânico Wellington Cordeiro Soares, crime ocorrido no último dia 7 na saída para Caiana. Jacson é natural da cidade de Sousa, de onde era fugitivo pela prática de dois roubos.

          Foi durante o cumprimento dos dois mandados de prisão nessa terça-feira, 22, que policiais militares terminaram encontrando outras condutas delitivas, motivando lavraturas de prisões em flagrante pelo delegado. Ao todo, cinco jovens foram para a cadeia. Na casa de Jacson, que estava residindo em uma travessa da Avenida Soares Madruga, conhecido como antigo Beco de Maria Regina, foram encontrados dois revólveres com numeração raspada e ele também foi autuado por posse ilegal, assim como um rapaz que se encontrava no local, Carlos Eduardo Alves de Sousa, morador do bairro Alto das Neves. Em seu depoimento, Jacson confessou ter atirado contra os irmãos e disse que o fez por um deles ter ficado com uma namorada sua, mas negou envolvimento na morte do mecânico.

         Já durante o cumprimento de prisão contra Mateus, foram encontradas drogas no local onde ele estava, no Alto das Neves, e mais dois jovens, que estavam em sua companhia, terminaram também detidos: Jefson Pereira Rodrigues e Roni dos Santos. Os três foram autuados por tráfico de droga e dois deles, Mateus e Roni também por envolvimento em um assalto na cidade de Pedra Branca na noite dessa segunda-feira, quando um cabeleiro e um cliente tiveram suas motos tomadas, uma das quais terminou abandonada pela dupla durante a fuga e ambas foram recuperadas depois, conforme a polícia. Os dois negam envolvimento no roubo, mas um deles ficou lesionado levemente à bala nas nádegas durante perseguição policial.  Conforme o delegado, Roni também é investigado por envolvimento na morte do mecânico, embora igualmente ele negue.

         Um adolescente de 17 anos que estava com o grupo também foi apreendido, mas, conforme determina a lei, em função de sua primariedade e não se tratar de um delito com uso de violência, ele foi entregue à mãe durante a noite dessa terça-feira. No entanto, na manhã desta quarta-feira, 23, foi flagrado portando entorpecentes e voltou à delegacia. O delegado disse que vai pedir seu internamento.

 

 

 

 


 

 

 
Informes & Opinião

Folha do Vale - www.folhadovali.com.br
Av. Padre Lourenço, nº 392 - Itaporanga - Paraíba
©2010 - Todos os direitos reservados