Em 06/10/2019

 

Cochilo e morte: aos 31 anos e pai de dois filhos, comerciante regional não resiste a acidente

 



        Por Redação da Folha – O comerciante Estrehallys Adame, conhecido popularmente como Téo, de 31 anos, teve morte imediata no final da madrugada deste domingo, 6, em um acidente de carro em trecho da BR-361 que corta o município de Olho D’água, no sentido de Piancó. Tudo indica que um cochilo ao volante motivou a perda da direção do veículo.

            De acordo com informações policiais, o comerciante, que tinha uma loja de informática e celular no centro de Piancó, retornava para casa supostamente depois de uma festa e, nas proximidades de um local conhecido como Acampamento dos Sem-Terra, perdeu o controle do seu carro, uma caminhoneta Hilux. Desgovernado, o veículo saiu da pista e caiu dentro de um açude. Téo morreu na hora, mas um amigo que o acompanhava conseguiu sobreviver.

            Residente em Piancó, mas natural de Igaracy, onde moram seus pais e muitos dos seus familiares, Estrehallys Adame era casado e pai de dois filhos pequenos, mas costumava sair nos finais de semana para diversões em cidades da região, aparentava boas condições financeiras e era muito querido entre os vários amigos e familiares.

            Depois do trabalho pericial, seu corpo foi encaminhado para exame necrológico em Patos e o objetivo é atestar a causa do óbito. Ele pode ter morrido por contusão ou afogamento, já que o carro ficou quase que totalmetne submerso. Um inquérito vai apurar o fato. O sepultamento deverá ocorrer em Igaracy, sua terra de nascimento.

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 
Informes & Opinião

Folha do Vale - www.folhadovali.com.br
Av. Padre Lourenço, nº 392 - Itaporanga - Paraíba
©2010 - Todos os direitos reservados