Em 09/06/2021

 

As Rapidinhas da Folha. Notícias desta quarta, 9

 



Mudança na delegacia seccional

 

       O delegado Antônio Luiz Barbosa Neto foi nomeado para o comando da delegacia seccional de Itaporanga, que coordena as demais da região. É a segunda vez que ele ocupa o cargo e vai substituir o delegado Carlos Seabra, que foi exatamente quem o substituiu quando dr. Neto deixou a seccional.

 

 

Sem fogos nem fogueiras

 

         A 2ª Promotoria Cumulativa de Justiça, a cargo do promotor Leonardo Clementino Pinto, baixou Recomendação ao prefeito de Itaporanga e demais da comarca para que proíbam o acendimento de fogueiras e fogos durante o período junino, como meio de evitar que a fumaça prejudique as pessoas que estão se recuperando da Covid-19, doença viral e pandêmica que prejudica o sistema respiratório.

 

 

Muitos trabalhadores de fora

 

        Há hoje instalada em Itaporanga uma grande quantidade de trabalhadores de fora. Eles são funcionários da empresa Tabocas, que está realizando uma obra no setor elétrico regional. Está construindo uma rede de transmissão entre Santa Luzia e a cidade cearense de Milagres, passando pelo vale do rio Piancó. São dezenas de trabalhadores alojados no Atlântida clube, local que foi alugado para hospedar os trabalhadores e onde também eles fazem suas refeições. O serviço é da Energisa e foi contratado pela Tabocas, que é de Belo Horizonte, Minas Gerais.

 

 

Mais uma paróquia

 

        Itaporanga tem atualmente apenas uma paróquia, mas caminha para ter duas.  O padre Rodolfo Cavalcante está na luta junto à Diocese de Cajazeiras para instalar uma paróquia no conjunto Chagas Soares, seria a paróquia de São Francisco. Para isso, o padre pretende transformar a capela que já existe no local em matriz, fazendo algumas adaptações e reformas necessárias.  Se tudo der certo, Itaporanga, que já tem a paróquia de Nossa Senhora da Conceição, terá também a paróquia de São Francisco, uma do lado esquerdo e a outra do lado direito do rio Piancó.

 

 

O velho golpe da troca de cartão

 

        Um aposentado rural de 62 anos, morador do sitio Marinho, município de Santana de Mangueia, foi vítima do velho golpe da troca de cartão. Ele foi receber seu benefício no Bradesco, agência de Diamante, no final do mês passado e uma mulher se ofereceu para ajudá-lo a sacar o dinheiro. Depois de tirar o benefício e entregá-lo ao idoso, ela trocou seu cartão sem que ele percebesse. Deu um cartão inutilizado ao aposentado e ficou com o seu, com o qual fez um empréstimo. Ele registrou queixa na delegacia de Itaporanga.

 

 

Furtos e assaltos crescendo

 

         Não é apenas os homicídios que cresceram na região nos últimos meses, os crimes patrimoniais também. Furtos e roubos nas cidades e zonas rurais do Vale são uma constante e nunca se viu tanto delito. Na última segunda-feira à noite, houve um assalto a um posto de combustível em São José de Caiana. Dois homens chegaram em um carro. O passageiro, de máscara, saiu do veículo com arma em punho e, em seguida, rendeu o frentista, que entregou o dinheiro ao criminoso. Depois, ele entrou no carro e os dois fugiram. Câmeras de segurança gravaram tudo e podem ajudar a polícia na elucidação do crime.

 

 

 

 

 

 

 

 

 


 

 

 
Informes & Opinião

Folha do Vale - www.folhadovali.com.br
Av. Padre Lourenço, nº 392 - Itaporanga - Paraíba
©2010 - Todos os direitos reservados